Como administrar diferentes pontos de vista no trabalho

diferentes pontos de vista

Saiba como lidar com diferentes pontos de vista no trabalho!

Quem nunca teve uma conversa mais firme com um colega de trabalho por não concordar sobre determinado assunto? O ser humano é único e diferente ao mesmo tempo. Por isso cada um tem um ponto de vista diferente. Mas quem disse que ter pontos de vista diferentes é ruim?

Mostrar sua opinião e defendê-la, desde que esteja embasada em fatos consistentes, é importante e ajuda a construir bons resultados para projetos no trabalho. Além do que isso demonstra autoconfiança.

E como todo ambiente em que se tem muitas pessoas reunidas e buscando o mesmo interesse, é natural que haja pontos de vista diferentes (conflito de opiniões). Este conflito de opiniões é fundamental para que boas ideias surjam e se complementem com outras que não são tão boas assim. Mas nem sempre essa visão diferente é vista com bons olhos pelas pessoas que não estão abertas a entender o ponto de vista dos outros.

A palavra que vem na mente quando se pensa nisso é o respeito. Saber escutar, compreender e respeitar o ponto de vista do colega, tanto no trabalho quanto na vida pessoal é de extrema importância. Isso é relevante também principalmente quando se está elaborando um projeto, um plano de vida ou até mesmo se você estiver trocando ideias em uma roda de conversa.

Você pode crescer e aprender com essas opiniões diferentes!

Sabe aquela história de agregar valor? É bem por aí. O ser humano é como um beija flor (a comparação parece humilde, mas é verdade). O beija flor não beija as flores, mas, sim, as sugam para retirar o néctar, um líquido açucarado que está dentro delas. Para eles, é um alimento muito importante.

A troca de opiniões e o conflito de ideias nada mais são do que alimentos para a mente e para o desenvolvimento humano. A troca de opiniões auxilia no amadurecimento do ser humano na vida e no trabalho.

Viu como é importante a diferença no pensar e em expor este pensamento?

Sendo assim, quando há pessoas que impõem pontos de vista de maneira intransigente o ambiente se torna pesado, discussões aparecem e causam aquele mal-estar entre os colegas. Pense que essa forma de agir pode impactar diretamente na sua imagem profissional dentro do ambiente corporativo.

Confira a seguir algumas dicas para minimizar discussões no ambiente de trabalho quando alguns pontos de vista se divergem:

Use o respeito e a escuta a seu favor

Como dito anteriormente, o respeito está totalmente ligado ao ato de escutar. O verbo escutar está ligado ao ato de ouvir com atenção. Ou seja, só porque a opinião do colega não é a mesma que a sua, não quer dizer que você não deva parar para entender, trocar ideias e respeitar. Lembre que escutar é diferente de ouvir! Já ouviu essa frase? Por isso ouça com atenção, escute e respeite.

Use a Empatia

Segundo o dicionário, empatia é a capacidade de compreender o sentimento ou reação da outra pessoa imaginando-se nas mesmas circunstâncias. Ela nos ajuda a compreender as razões, opiniões que talvez você não tomaria ou teria.

No trabalho por exemplo, para compreender melhor o seu cliente e entender suas necessidades é preciso ter empatia. Comece da pequena ação para a maior – veja o que é possível entender mais facilmente quando uma pessoa discorda de sua opinião. Para usar a empatia agregue a escuta ativa, como mencionado acima, e reflita sobre as intenções do outro antes de querer expor a sua opinião.

Tenha Autocontrole

Não se deixe abalar ou se contaminar emocionalmente quando houver discussões mais enérgicas sobre assuntos diferentes. A racionalidade neste momento é a melhor forma de manter o autocontrole.

Argumente com fatos

No momento em que estiver mostrando seu ponto de vista, verbalize com argumentos de forma serena. De preferência também para embasados em dados mensuráveis. Assim a outra pessoa que está conversando com você poderá concordar com o ponto de vista levantado.

Lembre-se que com consciência e bom senso todo ponto de vista pode ser exposto, compreendido e bem conversado. A autoconfiança se firma quando que você consegue argumentar de forma segura e defender o ponto de vista levantado.

Te proponho então a começar a agir. Pense em uma pessoa que você tenha mais facilidade de se relacionar e que quando você expõe suas opiniões, você fica mais tranquilo, apesar das opiniões serem diferentes. Comece a praticar com ela a sua escuta. Reflita sobre a opinião que ela lhe apresenta. Além disso, use a empatia para compreender o porquê da opinião ser diferente da sua. Assim ficará mais fácil argumentar e chegar em um consenso.


Quer desenvolver sua autoconfiança e sua habilidade de defender seus pontos de vista?

Entre em contato com a Viva e encontre caminhos para atingir seus objetivos!