Quais são seus pontos fortes e fracos? – Como usar o marketing pessoal

marketing pessoal

Um marketing pessoal bem feito pode te ajudar a conseguir o emprego dos sonhos!

Em uma entrevista de emprego você já deve ter se deparado com uma das principais perguntas, quase unânimes: quais são os seus pontos fortes e fracos?. Responder esse questionamento nem sempre é fácil. Por isso, neste artigo, vamos lhe mostrar que existem estratégias capazes de te ajudar a pensar em respostas simples e eficazes neste momento delicado que é a entrevista de emprego. Um desses métodos é o marketing pessoal.

O marketing pessoal é parecido com o tradicional – aquele que vemos todos os dias na TV, nos outdoors etc –, com a diferença de que o primeiro é direcionado para a conquista de benefícios profissionais ou pessoais. Essa ferramenta nada mais é do que uma forma de mostrar virtudes, características e um pouco da sua personalidade para que as outras pessoas reconheçam seu potencial.

Mas como utilizar o marketing pessoal em entrevistas?

O marketing pessoal envolve diversas lições, que vão desde o desenvolvimento de características de liderança, confiança e espírito de equipe, até maturidade, empatia e otimismo. Todos esses aspectos são essenciais para qualquer profissional, mas podem também ser desenvolvidos para casos específicos, como entrevistas de emprego.

Para lhe ajudar, é importante manter em mente um dos requisitos mais básicos do marketing pessoal: a confiança. Nesse sentido, ela vai muito além da segurança e convicção ao responder as perguntas. É preciso que as pessoas enxerguem e acreditem que aquilo que você diz é verdadeiro. Por isso, honestidade e veracidade são uma regra essencial ao responder perguntas em entrevistas.

O segundo ponto envolve a empatia. Se a entrevista tiver um tom maior de informalidade e abertura, é possível introduzir um outro lado da vida pessoal, de forma a criar uma identificação com o entrevistador. Isso permite que ele tenha outra visão sobre você e te enxergue além do profissional.

Além disso, é importante ter uma reação natural aos pontos negativos. Isso pode ser desafiador para algumas pessoas, já que o nervosismo às vezes toma conta da razão. Nesse momento, tente respirar algumas vezes para se acalmar, pense que você é capaz de conquistar a vaga e siga em frente nas argumentações.

Não existem pessoas sem defeitos, e o recrutador tem consciência disso. Por isso, não as minimize nem exagere demais. Respostas prontas ou que não oferecem algo satisfatório podem trazer desvantagens ao candidato. Sempre que questionado sobre seus pontos fracos, os mencione com alguma ação de melhoria que está tomando para desenvolvê-los. Um exemplo disso é: “Eu tenho dificuldade de falar em público, mas faço coaching para me ajudar a desenvolver essa habilidade”.

Dicas práticas para usar o marketing pessoal a seu favor

  • Tenha uma postura convicta e segura, e projete uma imagem positiva de si mesmo.
  • Seja claro na comunicação, já que suas interações dizem muito sobre você.
  • Ao responder sobre seus pontos fracos, pense em aspectos que normalmente são bons, mas que em excesso tornam-se negativos; dessa forma, você mostra que a mudança ou redução desses pontos é possível.
  • Responda rápido e não se prolongue: isso demonstra objetividade, preparo e certeza das respostas.
  • Faça seu marketing pessoal também online; tenha blogs pessoais, participe das redes sociais de forma responsável e mantenha sua vida pessoal mais restrita o possível.

Viva Desenvolvimento Humano – desenvolva a autoconfiança que ainda falta em você

A Viva Desenvolvimento Humano é uma consultoria de coaching que tem como objetivo maximizar potenciais e capacitar pessoas. Nossa meta é auxiliar os profissionais a desenvolverem sua autoconfiança para que, dessa forma, façam um marketing pessoal eficaz e alcancem seus objetivos.

Conheça a Viva e encontre a solução que você precisa para alcançar seus sonhos!